Marco Polo Del Nero é suspenso pela Fifa por 90 dias

15 DEZ 2017
15 de Dezembro de 2017

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, foi suspenso pelo Comitê de Ética independente da FIFA por 90 dias, a entidade internacional anunciou na manhã desta sexta-feira (15). O dirigente brasileiro não pode exercer qualquer atividade relacionada ao futebol no período.

A punição provisória pode ser ampliada por até 45 dias, caso o comitê ligado à Fifa julgue necessário.

Segundo nota emitida pela Fifa, a suspensão tem a ver com investigações de infração ao Comitê de Ética proposto pela entidade que controla o futebol mundial.

Antônio Carlos Nunes de Lima, conhecido como Coronel Nunes, assume provisoriamente a presidência da CBF por ser o vice-presidente mais velho. Ele chegou a assumir a presidência interina da CBF durante uma licença de Del Nero, em 2016.

Presidente e ex-presidentes da CBF na mira do FBI

Ricardo Teixeira foi o presidente da CBF entre 1989 e 2012, quando renunciou alegando questões médicas. Assumiu em seu lugar José Maria Marin, que ficou no cargo entre 2012 e 2015, até a eleição que colocou Del Nero no cargo.

Em maio de 2015, Marin foi preso na Suíça em um acordo entre autoridades locais e o FBI, polícia federal dos Estados Unidos, que iniciou uma investigação sobre possível corrupção no futebol. Teixeira e Del Nero também são investigados. Atualmente, Marin cumpre prisão domiciliar em Nova York.

Voltar