Em entrevista no começo da tarde desta segunda-feira (13), na Metropolitana TV, o secretário da Saúde Glazilon Aragonês afirmou que ao assumir a secretaria encontrou uma série de percalços, entre eles o financeiro. Afirmou que o pagamento dos funcionários das empresas terceirizadas deve ocorrer até a próxima quarta-feira, dia 15.

Glazilon disse que, apesar da perda de várias vidas, Viamão segue numa situação razoável. Disse que atualmente o município tem feito um trabalho de conscientização e que as pessoas precisam entender que é preciso se proteger, fazendo o resguardo devido para não contaminar outras pessoas.

Ao ser questionado, Aragonês afirmou que um total de R$ 1,85 milhão já foram aplicados nos cuidados com a pandemia. Disse ainda que a criação do Hospital de Campanha vai ocorrer e este terá 10 novos leitos e a possibilidade de implantação de outros 10.

Por sua vez, o diretor da Vigilância em Saúde, Clayton Ferreira, afirmou que atualmente Viamão tem, em estoque, um total de 2.780 testes rápidos para a detecção do novo coronavírus. Frisou que a aplicação destes ocorre conforme um protocolo pré-estabelecido. Inicialmente os testes são aplicados em coabitantes de residências em que haja paciente confirmado para Covid-19. Estes testes ocorrem 10 dias após a confirmação da contaminação do primeiro paciente.

Conforme Ferreira, a vigilância em saúde e a fiscalização da secretaria de desenvolvimento econômico, têm realizado trabalhos com mais evidência em estabelecimentos nos locais em que há maior concentração de casos confirmados, como na Santa Isabel, Santa Cecília e Augustas.