Em entrevista na noite desta quinta-feira (27), na Metropolitana TV, o pré-candidato do Avante à prefeitura de Viamão, Paulo Roberto da Rosa, o Paulo do Sopão, e sua candidata a vice-prefeita, Maria Cristina, a Tininha, apresentou algumas de suas ideias e propostas com vistas ao futuro do município.

Na ocasião o pré-candidato afirmou que pretende discutir com a sociedade os métodos de educação e, que a Prova Brasil vai ser o fator balizador para entender ser o projeto Alfa e Beto deve permanecer ou ser alterado.

O político disse ainda que os atuais gestores, tanto na prefeitura como na Câmara de Vereadores estão brincando com o povo. Para ele, o gestor público eleito deve apresentar soluções ao povo e que estes não são donos da cadeira. Disse que caso eleito, o primeiro compromisso com o povo é o respeito.

Sobre a questão do lixo, o pré-candidato disse pretende “estancar a sangria” com a criação de Usinas de Lixo, galpões de reciclagem e com a separação do lixo gerar renda. Disse que nenhum lixo de outros municípios vai ser deixado em Viamão.

Para a agricultura, Paulo do Sopão disse que não há outra maneira que não seja a valorização do agricultor e que a partir de conversas com os produtores encontrar caminhos para potencializar a produção e por consequência a arrecadação para os cofres do municípios.

Paulo do Sopão afirmou que, caso eleito, todos os contratos assinados por cada secretaria vão passar por uma revisão e caso haja alguma dúvida encaminhar para análise jurídica. Frisou ser importante utilizar os servidores capacitados tecnicamente em cada área da gestão. Para ele, o município tem dinheiro e que este é mal administrado, faltando vontade política aos gestores. Paulo disse que é preciso preparar Viamão para buscar novas empresas para gerar novas vagas de emprego à população.

Para ele, o problema da saúde no município pode ser solucionado com políticas públicas. Afirmou que deseja ouvir os servidores do setor pois, para ele, muitos não querem participar de maneira objetiva na gestão e sim apenas serem ouvidos pelos gestores.

Para a indústria, o pré-candidato do Avante, disse que o município deve oferecer entre outras questões, espaços para a empresas. Disse que é preciso que o povo tome a atitude de mudar, uma vez que hoje não há nada a oferecer. Afirmou que Viamão é uma terra rica, com um povo aguerrido e trabalhador. Disse que pretende qualificar a população para que todos tenham condições de desenvolver suas atividades no município.Quanto ao funcionalismo, Paulão disse que pretende devolver ao município a honra de ser servidor e a honra da população em dizer que é viamonense.

Confira a entrevista na íntegra: